O EuConcordo.com foi citado pela Revista Superinteressante ;)

Um abaixo-assinado virtual tem o mesmo efeito dos de papel e caneta? Leia a resposta na Revista Superinteressante  

Não corona-virus


Ure - Barra do Corda e Seduc-MA,



*ABAIXO ASSINADO DOS PROFESSORES DO COLEGIO MILITAR TIRADENTES V (CMT V) - ANO LETIVO 2020*

Ao Excelentíssimo Senhor Governador e Secretário de Educação do Estado do Maranhão

Nós, professores do COLEGIO MILITAR TIRADENTES V (CMT V) da regional URE TIMON/ MA, vimos a tempo emitir parecer contrário à medida decretada por Vossa Excelência quanto a retomada das aulas de forma gradual na rede pública Estadual de Ensino do Estado Maranhão para 03/08/2020 iniciando com alunos do 3º ano regular, uma vez que, em sua grande maioria, temos alunos e professores/equipe educacional do grupo de risco.

Cabe informar a Vossa Excelência que no momento em que o Brasil chega a 2 milhões de casos acumulados de Covid-19, o Estado do Maranhão é um dos epicentros da pandemia na região Nordeste com aproximadamente 106.000 casos confirmados da Covid-19, segundo boletim epidemiológico do MINISTÉRIO DA SAÚDE. E, considerando que outros estados que enfrentam bem antes do MA esta pandemia, fazem projeção de retorno às aulas em setembro ou mais, julgamos que seja precipitada tal iniciativa, posto ser inviável garantir em nosso espaço físico as medidas de combate à disseminação do vírus. Ademais, o COLEGIO MILITAR TIRADENTES V (CMT V) situa-se no município Timon-MA, que faz limite com a cidade de Teresina-PI em que os casos de contaminação pela COVID-19 crescem vertiginosamente, conforme boletins orgãos de saúde.

Outrossim, Senhor Governador, tal medida de retomada de retorno das aulas deveria ser orientada por critérios técnicos, de ordem sanitária, contemplando inclusive a maneira como a pandemia manifesta-se no município de Timon-MA, que exatamente por isso não há qualquer expectativa que eventuais medidas, dirigidas a promover o retorno das aulas, sejam adequadas para assegurar o direito à vida e o direito à saúde da comunidade escolar.

Destarte, cabe destacar que a realidade não só do COLEGIO MILITAR TIRADENTES V (CMT V), como de grande parte da rede estadual de ensino do Estado do Maranhão, não possui o mínimo de estrutura física/sanitária para contemplar o NOVO NORMAL que exige medidas específicas, não só de higiene pessoal da clientela escolar, mas da estrutura física como um todo, como distribuição de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) para professores e funcionários, uso obrigatório de máscara nas instituições de ensino e no transporte escolar, fornecimento de água potável em recipientes individuais e higienização frequente das mãos com água e sabão ou álcool em gel.

Assim, o corpo docente vê de forma inaceitável a precipitação da volta às aulas presenciais no momento em que o Estado do Maranhão está longe de reverter a situação da pandemia.
Caso a retomada ocorra, estaremos em sério risco de uma exposição do vírus, com consequências seríssimas, como o contágio de inúmeros adolescentes e professores que acabarão espalhando o vírus para outras pessoas.

Assim, os professores do COLEGIO MILITAR TIRADENTES V (CMT V) vêm, de forma veemente, manifestarem-se de forma contrária à medida de retomada das aulas presenciais em agosto, sem que o governo do Estado do MA adeque previamente as escolas com protocolos mínimos de segurança na estrutura física, sanitização/higienização aceitos pela comunidade cientifica, como distribuição de EPIs - Equipamentos de Proteção Individual para professores, funcionários e alunos, adequação no transporte escolar, fornecimento de água potável em recipientes individuais, garrafas ou copos descartáveis, adequação dos bebedouros, instalação de câmaras de desinfecção nas entradas da escola, instalação de lavatórios para as mãos com água e sabão ou álcool em gel, capacitação da equipe de limpeza operacional de protocolo no combate à Covid, treinamento do corpo docente e discente para metodologia de ensino híbrido, sinalização dos espaços das salas de aula, pátios e outros ambientes da escola para reeducar quanto ao distanciamento, etc. Isto posto, posicionamo-nos pelo ADIAMENTO DO INÍCIO DAS AULAS PRESENCIAIS, consoante assinaturas abaixo.

1- Lya Rakel Elouf Queiroz - matrícula n.295707-01
2- Nakya Lidyanne Magalhaes de Oliveira Carvalho - matrícula n. 797731-0
3- Katianne Cristina Ferreira Castro Silva - matrícula 00853563-00
4 -Joana D'arc de Sousa Martins.Mat.00295428-00
5- Cirlene Maria Alves da Silva . Mat. 00797814-01
6- Francisco Wagner Ribeiro Soares Mat. 296216-01
7- Edna Teixeira Fernandes. Mat. 00300462-00
8-Luciano Liarte de Carvalho
Matrícula n° 798911-0
9- Wesley Sousa Santos *MATRICULA*
10- Ayla Maria de Castro Lopes Holanda
Matrícula n°: 813301-0.
11- Luzia Fernandes do Nascimento Mat. 292652-00
12- Andréa Márcia Alves de Carvalho matrícula 799923

Assinado, Professores de Grajaú


Faça uma doação HOJE!


Se cada pessoa que acessa o EuConcordo.com doasse apenas R$ 2,00, nós não precisaríamos fazer este apelo.

O EuConcordo.com é mantido gratuitamente, mas os custos existem. Pedimos que todos façam sua parte e mantenha esta causa VIVA.

Meta do mês

Comentários não funcionam como assinatura, mas sim como um complemento para divulgação da petição.

Assinaturas são consideradas válidas após sua devida

Você deseja continuar a assinatura sem preencher um comentário?
Parabéns! Você se tornou signatário deste abaixo-assinado.

Últimas assinaturas

  • Silvia Cristina Mandarini Lago assinou o abaixo-assinado #2967
  • SILVANA CRISTIANA DOS SANTOS assinou o abaixo-assinado #2963
  • Silvana Carvalho da silva assinou o abaixo-assinado #2966
  • Gentil Osvaldo Victorino assinou o abaixo-assinado #2966
  • Maria Alice Victorino assinou o abaixo-assinado #2966
  • Ederson Luiz Granata assinou o abaixo-assinado #2966
  • Adriana Teixeira De Lima Brandão assinou o abaixo-assinado #2963
  • Juliana Victorino Granata assinou o abaixo-assinado #2966